Como é bom ver nossa rockeira de Cherry Bomb voltando com tudo para a tela de cinema, Kristen Stewart desde o estouro em Hollywood com o papel de Bela Swan do filme Crepúsculo, que fez ela conquistar muitos papéis depois, incluindo filmes repletos de estrelas produzido pelo maravilhoso Woody Allen.
Lembrando que ela é a primeira americana a ganhar o prestigioso prêmio César award da França por sua performance  em 2014 em Sils Maria.
Nossa amada Stewart voltou para as telas, mas do outro lado, ela se juntou ao time de mulheres de Hollywood, especificando melhor, ela escreveu e dirigiu um Curta-metragem em parceria com a Refinery29 e Shatterbox Anthology chamado Come Swim”.
 
O curta é sobre uma viagem surrealista através de correntes selvagens da nossa imaginação, invocando um retrato incrivelmente do interior emocional de um homem – escuridão e cheio de desejos. A estréia foi dia 19 de janeiro no Sundance Film Festival.
Assista ao trailer:

 

Em entrevista Stewart disse “Esse filme é completamente sobre um coração partido. Eu definitivamente não vou me afastar disso, esse é absolutamente o assunto. É a primeira queda nesse inferno existencial. Você pode se atacar com memórias ou, dependendo da perspectiva, você pode chegar para trás e dizer, “Na verdade, nem tudo foi ruim. Isso foi divertido, nós nos divertimos e foi legal.” Então eu falei para meus dois atores brincarem na piscina e falarem um com o outro e dei para eles umas palavras chaves. Mas eles disseram algumas coisas que improvisamos e fizeram parecer bem negativas e aterrorizantes no começo.”

Ela foi questionado qual conselho poderia dar para as jovens mulheres que querem se tornar diretoras. E a resposta foi:

Todo mundo que conheci que está fazendo as coisas por eles mesmos e realmente se forçaram a fazer isso, você não pode entrar no caminho deles. Não há nada os parando e eu diria, acredite nisso. Há pessoas que desesperadamente veem as coisas e querem explicar a beleza de algo. Se você tem isso, então você consegue. É o pior conselho do mundo, mas acredite no desejo. É a pior coisa do mundo querer fazer algo e se privar disso. Apenas faça!

Sobre Shatterbox Anthology

Refinery29 está emocionado ao mostrar este filme de Shatterbox Anthology. Apenas 7% dos melhores filmes de 2016 foram dirigidos por mulheres. Refinery29 quer mudar isso dando a 12 diretoras uma possibilidade de reivindicar seu poder. Nossa mensagem para Hollywood? Você não pode ganhar sem mulheres!

Agora só resta saber quando chegara até nos!

via GIPHY