Ele já sofreu preconceito no mercado de trabalho e hoje serve de exemplo para a nova geração
Com apenas 26 anos, Thiago Loures é Jornalista, Publicitário e Social Media. O carioca começou sua carreira como professor de Inglês e tradutor, em seguida foi contratado pela gravadora carioca Furacão 2000, onde trabalhou durante quatro anos. Comandou mais de 20 páginas e redes sociais de artistas da gravadora, entre elas a de Anitta, Os Hawaianos e Mc Brunninha (ex-A Fazenda).
Thiago passou por agências de publicidade como Kindle e Sides e hoje tem sua própria empresa de comunicação, a F5 Mídia ao lado de seu sócio Amaury Gouvea. Sua atual empresa gerencia o marketing online de artistas e empresas como Grupo BokaLoka, Alex Cohen, Bloco Simpatia É Quase Amor, Divas da Depressão e leva na bagagem a criação de sites como o da cantora Kelly Key e Leandro Sapucahy, da Globo. Entre seus trabalhos está a gestão de conteúdo de filmes como “Minha mãe é uma peça”, “Meu passado me condena”, na Kindle “Irmã Dulce”, na Sides. O profissional também foi assistente de mídia online nas campanhas de Aliança Francesa, Casa & Gourmet e Aspen Pharma, na Kindle ao lado de JP, que era coordenador de mídia on.
Um grande portfólio para um jovem de apenas 26 anos. Mas como na vida tudo tem um preço, Thiago Loures vive para o trabalho. Chegou a varar a noite criando campanhas e conteúdo para as marcas, mas não se arrepende. “Quando entro em um projeto me dedico totalmente. Visto a camisa mesmo e sempre visualizo o cliente satisfeito com o resultado, antes mesmo de entregá-lo”, diz o publicitário que vive em cursos de reciclagem para aprimorar seus dons.
Preconceito
Thiago Loures aproveitou para contar um pouco sobre o preconceito que já sofreu por aparentar ser mais novo: “Já fui muito julgado no começo da minha carreira. Com 18, trabalhei no curso de Inglês bastante conhecido onde não assinaram minha carteira e me obrigavam a fingir ter 25 anos na sala de aula. Dei aula para executivos de grandes empresas. Enfim, em relação ao preconceito, não aguentava mais aquilo, mas como era meu primeiro emprego eu aceitei. Quando pedi demissão eles ainda ficaram me devendo. Mas aquilo serviu para eu abrir meus olhos”, lamenta o empreendedor que hoje tem sua própria empresa de comunicação no Rio.
O jovem publicitário também contou como era participar de algumas reuniões com clientes: “Em outros jobs que fiz, a parte mais engraçada eram as reuniões com clientes. Muitos me tratavam como criança, deviam pensar que eu estava ali por ser sobrinho de alguém, mas engano deles. Estava ali por mérito e por ter desenvolvido com competência meu trabalho. Eu só observava aquela ignorância. Muitas pessoas mais velhas pensam que são melhores que os jovens sendo que às vezes dominamos mais o assunto do que eles”, diz o comunicador.
Preconceito em palestras
O carioca ministrou palestras na Universidade Veiga de Almeida (UVA), no Rio de Janeiro e Guaíra, interior de São Paulo. “Adoro passar conhecimento para os jovens. Ao ensinar o que faço sinto que contribuo na vida de profissional de muitas pessoas. Mas no começo, dar palestras não era nada fácil! Uma vez ministrei uma palestra em um dia e dei curso no outro dia, em São Paulo. No começo da palestra foi muito engraçado, todos olhavam pra minha cara espantados. Conversei com alguns alunos depois do curso e eles me explicaram o motivo. Disseram que nunca haviam visto alguém tão novo ter tanta experiência profissional. Me chamaram de nerd. Ficaram impressionados com meu portfólio. Fiquei feliz por um lado e chateado por ver que ainda tem muita gente que julga o próximo pela aparência. No meu caso é por eu parecer ser muito jovem, mas não duvido que existem outros casos piores por aí”, completa.
Sucesso e Inspiração
Thiago Loures é fã assíduo de livros de empreendedorismo e motiva jovens por onde passa. “Muita gente pergunta como eu fiz para chegar onde estou e digo que: acreditar no seu potencial é extremamente importante. Vejo muitos jovens se lamentando por aí, mas não arregaçam as mangas para conseguir o que querem. Tento passar conhecimento para todos o máximo possível, gosto de ver quem está ao meu lado crescer, gosto de gente dedicada. Acreditar e trabalhar com foco em tudo que você deseja é um dos segredos. Me inspiro muito no fundador da WiseUp e empresário, Flávio Augusto da Silva. Sempre acompanho o projeto Geração de Valor nas minhas redes onde ele ajuda os jovens a terem mais conhecimento e garra para abrirem seu próprio negócio.
Livros que indica
“Empreenda Sem Fronteiras” – Autor: Bruno Pinheiro – Editora: Gente
“Jovens Com Atitude Enriquecem Mais Rápido” – Autor: Jack Canfield e Kent Healy- Editora: Universo dos Livros
“Geração de Valor”- Autor: Flávio Augusto da Silva- Editora: Sextante
“Pare de se sabotar e dê a volta por cima”- Autor: Flip Flippen- Editora: Sextante
“Aprenda a dizer não”- Autor: Greg Cootsona- Editora: MC
“Manual dos jovens estressados”- Autor: Augusto Cury- Editora: Planeta
“O Segredo”- Autora: Rhonda Byrne- Editora: Ediouro
“A Magia”- Autora: Rhonda Byrne- Editora: Ediouro
Nas redes sociais:
Intagram: @thiagobloures e @f5midia