Com direção de Eduardo Figueiredo, a peça Frida y Diego, sucesso de público e crítica desde sua estreia em outubro de 2014, reestreia em São Paulo no dia 05 de maio, no Teatro J. Safra. Após realizar turnê pelo Brasil passando por mais de 20 cidades e ser vista por 200 mil pessoas, a montagem retorna pela terceira vez à capital paulista para curta temporada de encerramento, de apenas um mês.

O premiado texto de Maria Adelaide Amaral retrata a complexa e intensa relação dos fascinantes artistas mexicanos Frida Kahlo e Diego Rivera, além do legado que deixaram na história da arte.

A trama mostra uma fase conturbada da vida de Frida quando, já bastante doente e com muitas dores, voltou a morar com Diego em casas vizinhas, ligadas por um corredor. Frida Kahlo e Diego Rivera viveram um grande e conturbado amor, ao mesmo tempo em que influenciavam, com sua arte latina, o mundo das artes plásticas europeu e americano na animada e confusa década de 30.  A peça, recheada de conflitos, poesia, nostalgia e humor, tem iluminação assinada por Guilherme Bonfanti, cenário, figurino e adereços por Márcio Vinícius e direção musical de Guga Stroeter.

foto produção

Para a montagem, o diretor Eduardo Figueiredo focou na interpretação do elenco: “Esse espetáculo é dos atores, nós só preparamos a cama para eles se divertirem”, diz ele, que optou por colocar música ao vivo na peça. No palco, dois músicos tocam acordeom e baixo.

“Para mim, é fundamental que uma peça como esta tenha músicos em cena – o próprio Diego Rivera era um grande festeiro – e a música, aqui, reforça a passionalidade da relação deles. Pretendo falar da humanidade presente destes dois grandes artistas. Outro aspecto importante é fomentar questionamentos, com temas tão contemporâneos como traição e lealdade”, comenta o diretor.

 

“FRIDA FOI SEMPRE ABSOLUTAMENTE AVANÇADA EM SUA ARTE E, NA VIDA, ELA TEVE A CORAGEM DE FAZER DA SUA EXISTÊNCIA UMA OBRA DE ARTE COM EXTREMA INTELIGÊNCIA, INDO MUITO ALÉM DA SUA DOR. É UM PRIVILÉGIO TRAZER PARA A CENA A HUMANIDADE DELA. O TEXTO DA MARIA ADELAIDE COLOCA A MATÉRIA PRIMA DA ARTE DA FRIDA NA DRAMATURGIA, OU SEJA, A SUA VIDA. MUITAS COISAS QUE ESTÃO ESCRITAS NA PEÇA FORAM DITAS PELA ARTISTA”, CONTA A ATRIZ LEONA CAVALLI. 

Sinopse

A peça fala do casamento e da relação entre Frida Kahlo e Diego Rivera. Uma história de paixão e cumplicidade. Com todos os dramas, rupturas e reconciliações, era uma relação de liberdade e amor incondicional. O espetáculo se passa entre o período de 1929 a 1953, no México, França e Estados Unidos, onde viveram e trabalharam a conturbada relação do casal, as mútuas infidelidades, personalidades fortes e as suas convicções artísticas e políticas.

 

Ficha Técnica

Texto: Maria Adelaide Amaral

Direção: Eduardo Figueiredo

Elenco: Leona Cavalli e José Rubens Chachá

Direção musical e trilha: Guga Stroeter e Matias Capovilla

Músicos: Wilson Feitosa (acordeom) e Vico Piovani (baixo acústico)

Direção de arte – cenografia, figurinos e adereços: Marcio Vinicius

Visagismo: Anderson Bueno

Desenho de luz: Guilherme Bonfanti

Assistência de direção: Alex Bartelli

Direção de movimento: Renata Brás

Programação visual: Vitor Vieira

Projeto de vídeo e projeções: Jonas Golfeto

Fotos de divulgação: Gabriel Wickbold

Fotos de cena: Lenise Pinheiro

Gerência de produção: Inara Santos

Direção de produção: Maurício Machado

Realização e produção: manhas & manias eventos

SERVIÇO

Frida y Diego

Data: 05 a 28 de maio de 2017

Horário: sextas às 21h30, sábados às 21h e domingos às 20h

Classificação: 12 anos

Duração: 90 minutos

Valores

Sextas e Domingos

Plateia Premium: R$65,00

Plateia Vip: R$ 65,00

Mezanino: R$50,00

Mezanino com visão parcial: R$25,00

Sábados

Plateia Premium: R$80,00

Plateia Vip: R$ 80,00

Mezanino: R$60,00

Mezanino com visão parcial: R$30,00

 

Teatro J. Safra

Endereço: Rua Josef Kryss, 318 – Barra Funda – São Paulo – SP

Telefone: (11) 3611-3042

Acesso para deficientes físicos

Capacidade da casa: 627 lugares

Estacionamento:

Valet Service (Estacionamento próprio do Teatro) – R$ 25,00

Horário de Funcionamento da bilheteria

Quartas e quintas – 14 às 21h

Sextas, Sábados e Domingos – 14h até o horário dos espetáculos

Vendas on-line: www.teatrojsafra.com.br ou http://www.compreingressos.com/teatros/497-Teatro-J+-Safra

Aceita todos os cartões de crédito. Não aceita cheques.